Ads Top

Carla Zambelli critica Sérgio Moro por "vazar" conversa privada para a Globo


Início da matéria


A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) manifestou profunda decepção contra o ex-juiz e agora também ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.

A parlamentar comentou a divulgação de uma conversa privada que teve com Moro, a qual o ex-ministro repassou para a rede Globo como "prova" de que o presidente Jair Bolsonaro teria negociado com ele uma indicação para o Supremo Tribunal Federal.

No seio da questão está  a demissão do diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo. Logo após tomar conhecimento da exoneração do delegado, Moro convocou uma coletiva de imprensa na manhã da sexta-feira (24) para anunciar a sua demissão do governo.

O presidente Bolsonaro, por sua vez, também falou em rede nacional, acusando o ex-ministro de ter condicionado à concordância com a demissão de Valeixo se fosse indicado como novo ministro do STF.

Zambelli, portanto, teria sido uma peça de articulação entre os interesses de Moro e o presidente Jair Bolsonaro. Contudo, a forma como a rede Globo transmitiu a reportagem, em caráter de "prova" contra o presidente, fez parecer que a deputada estaria agindo de ma fé, o que ela nega.

"Vazar pro Jornal Nacional como se fosse algo ilícito, como se eu tivesse feito uma coisa ilícita. Achei extremamente maligno. Não gostei do que ele fez", declarou a parlamentar em rede social ao criticar Moro.

"Eu não sou ninguém para prometer uma vaga no STF. O que eu quis dizer é que poderia ajudar. Tentar falar com Bolsonaro", continuou Zambelli.

Chamou atenção dos aliados da deputada, o fato de que Sérgio Moro foi um dos convidados para ser padrinho de casamento de Zambelli recentemente. O ex-ministro não apenas aceitou o convite, como prestigiou pessoalmente a cerimônia de casamento da parlamentar, segundo informações do Opinião Crítica. Assista abaixo:

Tecnologia do Blogger.
close