Ads Top

Bolsonaro critica lockdown e lembra que é "o chefe supremo das Forças Armadas"

Bolsonaro critica lockdown e lembra que é "o chefe supremo das Forças Armadas"


Em sua live semanal desta quinta-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro usou boa parte do tempo da sua transmissão para criticar as medidas de lockdown tomadas em vários estados e municípios do país, como em São Paulo, onde medidas ainda mais rígidas foram anunciadas hoje pelo governador João Doria (PSDB-SP).


O presidente disse que não pode admitir que a população continue tendo a sua liberdade privada cada vez mais. Afirmou que é "leal" ao povo e fará o que o povo desejar. "Eu sou o chefe supremo das Forças Armadas", lembrou o presidente, em referência ao que diz a Constituição Federal em seu Artigo 142.


Diz o Art. 142 que "as Forças Armadas, constituídas pela Marinha, pelo Exército e pela Aeronáutica, são instituições nacionais permanentes e regulares, organizadas com base na hierarquia e na disciplina, sob a autoridade suprema do Presidente da República, e destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem."


Na ocasião, Bolsonaro afirmou que os militares estão acompanhando ao que acontece no Brasil. Ele também aproveitou para rebater uma crítica feita pelo ex-presidente Lula, na verdade uma fake news, de que o mesmo acreditaria na teoria da Terra Plana.


“Veja o padrão de todos os ministros meus e daqueles do governo do PT lá atrás. Lá atrás especialidade era outra”, disse o presidente insinuando se referir à corrupção. “E sabemos para onde foi o Brasil. Então essas críticas baratas não procedem“, completou. Assista a íntegra da live abaixo:



Tecnologia do Blogger.
close